terça-feira, janeiro 04, 2011

Sinalização de trânsito

Hoje  me perguntaram o que existe de criativo na sinalização de trânsito e viária? Trabalhei anos com sinalização e pensei...é claro que existe e lembrei de alguns exemplos, simples, mas bem interessantes:
Errado
Certo
- Placa de sinalização de proibição: Qual a direção que fica a barra cortando e indicando a proibição? Uma maneira fácil de você não errar quando for fazer qualquer placa de proibição é imaginando o seguinte: Como se escreve a letra N? Mas como"N"? Isso mesmo "N" de NÃO!...Veja bem os modelos laterais! Fácil né!...Junta-se a placa de obrigação/restrição/limitação com o "N" da palavra NÃO, soma-se com o símbolo daquilo que você deseja que NÃO seja realizado e está completa a sinalização.
Errado
Certo
Exemplo: Não fume, Não estacione, etc...
- Placa de sinalização para desvio(ou andorinha) e, seu desdobramento, o zebrado: Como reconhecer e entender?...O desvio com a andorinha indicando a direção não tem mistério, para onde ela apontar é a direção onde você vai fazer seu desvio. Mas e o zebrado ou a andorinha cortada(esse tipo de sinal denomina-se andorinha)? Como entender?!? Olhe, veja que ele corresponde a "andorinha" cortada pelo meio e aponta para a mesma direção como se estivesse inteira e nada mais.
Expressamente Proibido
Outra placa fácil de decorar é a de Proibido Parar e Estacionar, também conhecida coloquialmente como "Expressamente Proibido parar e Estacionar" , pense no seguinte "é eXpressamente proibido", olha o "X" aí que é comumente usado quando você quer suprimir algo ou invalidar algo, ela é bem fácil de compreender.
Andorinha
"O" de obrigação
O Código de Trânsito Brasileiro e seu
projeto gráfico de comunicação visual possue muita linguagem subliminar e a população, de uma maneira geral, não consegue entender bem seu significado. E o projeto é ruim? Negativo! Talvez seja mal divulgado mas a qualidade é incontestável, tudo não passa de uma questão cultural e entendimento. Vou tentar ser claro e objetivo usando como exemplo o zebrado: Pense o seguinte, se você tem um obstáculo pontiagudo na sua frente, o que você faz você vai em frente, se esborracha nele ou desvia? Óbvio que você executa a transposição ou ultrapassagem em sentido ortogonal ao obstáculo, certo!? Certíssimo! A não ser que você queira colidir com o obstáculo a frente, o que não creio! Pressupondo que seja uma pintura no asfalto, um guarda corpo, um poste ou uma placa, o que você faz? Você passa por cima ou desvia?...É isso! E isso está previsto na sinalização descrita no Código de Trânsito Brasileiro/CTB.
Andorinha
Esta técnica de sinalização poderá, também, ser utilizada na frota de veículos como ilustrado a seguir:
Mas observe que,o veículo quando usado para realizar a interdição de uma via, deverá estar sempre com a área do zebrado(desvio) voltada para o lado que o operador queira que seja feito o desvio.
Então da próxima vez que vocês forem dirigir, observem que na sinalização de trânsito, tem muita coisa implícita, de fácil entendimento, muita criatividade e técnica.!
 Acreditem.
Desvio do zebrado



Desvio pela esquerda
Dirijam com atenção!
Desvio pela direita






Postar um comentário